1. Me ajuda, next!

Como conquistar a casa própria? Veja dicas para transformar o sonho em realidade!

Saiba como executar um plano estratégico factível que ajudará a tornar o caminho mais tranquilo.
04 de mar de 2022
2 minutos de leitura
Artigos Relacionados
A imagem tem fundo verde. Do lado superior esquerdo alguns pontilhados. No centro, está escrito "casa própria" ao lado de um ícone de casa.

Conquistar a casa própria está, invariavelmente, entre os principais desejos dos brasileiros. Entretanto, antes mesmo de tentar transformar o sonho em realidade, muita gente acaba desistindo por acreditar que se trata de algo impossível. E o What’s next mostra, agora, que, com um plano estratégico bem definido e executado, é possível realizar o sonho de comprar um imóvel. Confira 6 dicas factíveis – e imprescindíveis – para se aproximar do objetivo.

1 – Papel e caneta

O primeiro passo para buscar o sonho da casa própria vai demandar papel e caneta. Sim, é isso mesmo. Para começar, como em todo plano, é necessário registrar alguns fatores, como: renda mensal, valor total do imóvel desejado, valor necessário para dar de entrada no negócio, e quanto tempo será preciso para juntar o montante. Com estas informações em mãos o plano vai começar a tomar forma.

Vale destacar, aqui, que geralmente o mercado imobiliário cobra 20% do valor total do imóvel na entrada, mas não é regra, e é importante ter em mente que pelo menos 5% do montante total da casa ou apartamento em questão precisa ser reservado para custos extras, como cartório e impostos.

2 – Despesas e orçamento

Uma boa gestão financeira passa por organização. Monitorar as despesas fixas e computar a média do valor gasto mensalmente em contas variáveis, categorizando cada saída do orçamento familiar, vai ajudar na busca pelo sonho da casa própria. Afinal, antes de começar a poupar, é necessário que a conta mensal feche e ainda sobre um pouco de dinheiro para o dia a dia.

3 – Corte gastos supérfluos

Um “gastinho” aqui e outro acolá passa despercebido no dia a dia. Porém, estes gastos supérfluos podem fazer uma grande diferença a longo prazo. Obviamente, superfluidade é subjetivo, pois o que pode ser desnecessário para um, nem sempre é para o outro. Enfim, o importante é avaliar o estilo de vida e saber que uma anuidade de um cartão de crédito não utilizado, os juros cobrados em parcelas, os desperdícios de comida ou a impulsividade no mercado e no shopping, por exemplo, podem significar muito dinheiro gasto que poderia estar sendo poupado.

4 – Reduza as dívidas

Quem idealiza alcançar a casa própria tem a necessidade de fugir das dívidas. Para as que já estiverem em andamento, um plano para contornar a situação é bem-vindo. Avalie as dívidas em cartões de crédito ou empréstimos, por exemplo, e tente renegociá-las para conseguir saná-las o mais rápido possível. Essa atitude é muito importante no caminho para a realização do sonho.

5 – Amplie a renda mensal

Buscar um desejo tem percalços, que precisam de criatividade e força mental para superá-los. Aumentar a renda mensal pode ser um grande passo rumo à casa própria. Considere realizar horas-extras no trabalho, aumentar a produtividade em busca de um aumento salarial ou até mesmo buscar um emprego com remuneração melhor.

6 – Invista o dinheiro

Você sabia que dinheiro parado perde valor, não é mesmo? Justamente por isso, toda despesa economizada, cada gasto supérfluo livrado e qualquer entrada de grana extra, se investida, ajudará (e muito!) na diminuição do tempo de espera em busca do sonho da casa própria.

O next te ajuda!

Nas dicas que podem transformar o sonho da casa própria em realidade citamos algumas práticas importantes no trajeto em busca do objetivo. E em vários delas o next pode te ajudar, sabia?

Se você precisa de um cartão de crédito sem anuidade, no next tem. Obter uma renda extra também é possível com a plataforma digital, usando a função Indique Amigos, onde quem indica um amigo para ser cliente é recompensado financeiramente. E todas as economias obtidas no percurso podem ser investidas em títulos de renda fixa, como o CDB next, que paga 100% do CDI, ou em fundos de investimento. Com o app next você economiza sem sofrimento, faz a grana render e se aproxima do objetivo. Coragem e lembre-se: o importante é começar.

Anterior
Como trazer o salário para o next? Confira tutorial
Próxima
Selic alta é sinônimo de maior rendimento com o CDB next. Veja como aproveitar!